Concurso Público para a Secretaria de Estado de Educação de São Paulo

brasao_corA Secretaria de Estado da Educação de São Paulo divulgou edital de concurso público para 9.932 vagas para agentes de organização escolar, que serão distribuídos entre as escolas da rede em todo o estado. O salário é de R$ 800.
As instruções especiais do concurso foram divulgadas nesta quarta-feira (25) no Diário Oficial do Estado de São Paulo, na seção I (entre as páginas 73 e 76).
Para participar da seleção os candidatos devem ter nível médio completo e conhecimentos de informática. A jornada é trabalho é de 40 horas semanais.
As inscrições devem ser feitas pelo site www.vunesp.com.br entre os dias 14 e 26 de março. A taxa é de R$ 22,90.
O concurso será composto por prova objetiva, sobre conhecimentos gerais e específicos, de caráter eliminatório e classificatório, além de avaliação de títulos, apenas para classificação.
A prova objetiva terá questões de conhecimentos gerais e específicos. A data, o horário e os locais de realização da prova ainda serão divulgados.
Ao realizar a inscrição, o candidato deverá optar por uma das 91 diretorias de ensino pertencentes à rede estadual de ensino de São Paulo, na qual realizará a prova e a entrega de títulos e a qual estará vinculado para fins de classificação, escolha de vaga e nomeação. O cadastro só será confirmado após a comprovação do pagamento da taxa de inscrição.
A função do agente de organização escolar é dar suporte às ações da secretaria e atender à comunidade da escola, de acordo com as necessidades da respectiva unidade de ensino. Entre suas atribuições, estão: zelar pelo bem-estar dos alunos e pela estrutura física da unidade; orientar os estudantes quanto às normas de conduta previstas no regimento escolar; controlar a movimentação dos estudantes nas dependências da escola e imediações; auxiliar na manutenção da disciplina geral.
O concurso tem validade de 2 anos e pode ser prorrogado pelo mesmo período.
Temporários
O governador Geraldo Alckmin autorizou ainda a contratação temporária de 14.808 agentes de organização escolar e de 5.550 agentes de serviços escolares (que exige nível fundamental), que poderão atuar nas escolas estaduais em todo o estado. O processo seletivo será realizado de forma descentralizada pelas 91 diretorias regionais de ensino, que, mediante necessidade, publicarão edital no “Diário Oficial do Estado” com os respectivos locais e períodos para inscrições, sem custo para o candidato.
A seleção é feita por prova classificatória. Haverá nota mínima de corte, determinada pela diretoria regional.
A contratação, que poderá ser feita pelo prazo máximo de 12 meses, atenderá à demanda criada com novas unidades escolares e a ampliação das já existentes, adequando o módulo de servidores de cada unidade escolar.
Fonte: g1.globo.com

Escrito Por:

0 comentários: